www.bportugal.pt

Menu topo

Imagem com acções feitas pelo cliente bancário e para as quais existe informação neste site

Menu de contexto

Modalidades de emissão do cheque

Modalidades de emissão do cheque

O que é um cheque "nominativo”?

É um cheque no qual é indicado o nome do beneficiário.

Cheque nominativo

O que é um cheque "ao portador”?

É um cheque no qual não é indicado o nome do beneficiário.

Cheque ao portador

Atenção: o cheque ao portador pode ser pago a qualquer pessoa que o apresente no banco. Por isso, é recomendável que preencha sempre o nome do beneficiário. Se quiser certificar-se de que o cheque só é pago ao beneficiário que indicar, emita o cheque “não à ordem”.
 
(Ver CHEQUES - Regras Básicas e CHEQUES - Prazos de Segurança)

O que é um cheque "cruzado”?

É um cheque atravessado por duas linhas paralelas e oblíquas, geralmente colocadas no canto superior esquerdo.

  • Se entre as linhas nada estiver escrito, o cruzamento é geral - O cheque a seguir representado, tem de ser obrigatoriamente depositado, exceto se o beneficiário for cliente do banco sobre o qual o cheque foi emitido. Neste caso, pode levantar o cheque ao balcão desse banco.

 
Cruzamento geral do cheque

  • Se entre as linhas paralelas estiver escrito o nome de um banco, o cruzamento é especial - O cheque a seguir representado, só pode ser depositado no banco indicado entre as linhas (Banco A).

 

Cruzamento especial do cheque

O que é um cheque "à ordem”?

É um cheque no qual consta a expressão “à ordem de”. O seu beneficiário pode transmiti-lo a uma terceira pessoa. Chama-se a isso “endossar o cheque”.

(Ver CHEQUES - Regras Básicas)

Cheque à ordem

O que é um cheque "não à ordem”?

É um cheque no qual consta a expressão “não à ordem”. Só pode ser pago a quem constar como beneficiário. Não pode ser endossado.

(Ver CHEQUES - Regras Básicas)

Cheque "não à ordem"

Posso transformar um cheque “à ordem de” num cheque “não à ordem”?

Sim, se riscar a expressão “à ordem de” e a substituir pela expressão “não à ordem”. 

Cheque "não à ordem"

Também pode riscar a expressão “à ordem de” e escrever “não à ordem” depois do nome do beneficiário. 

Cheque "não à ordem"

Posso transformar um cheque "não à ordem” num cheque “à ordem de”?

Não. Um cheque “não à ordem” não pode ser alterado para cheque “à ordem de”. Caso isso seja efetuado o banco recusará o seu pagamento.

O que é um cheque "visado”?

É um cheque no qual o banco apõe um carimbo que certifica que a conta tem fundos suficientes para pagar o cheque. O valor do cheque fica cativo na conta da pessoa que o passou por um prazo não inferior a 8 dias.

Um cheque pode reunir várias destas características?

Sim. Por exemplo, um cheque pode ser “nominativo”, “não à ordem” e “cruzado”.

Cheque “nominativo”, “não à ordem” e “cruzado”

A palavra “banco” é utilizada, neste contexto, para designar qualquer instituição de crédito autorizada a receber depósitos do público e, consequentemente, a “pagar” os cheques emitidos sobre as contas a que respeitam. 
Acessibilidade [D] Optimizado para uma resolução de 1024x768 pixeis
Banco de Portugal © 2009 Todos os direitos reservados.